MPE investiga favorecimento ilegal a construtora Ginco

11 de fevereiro de 2019


O Ministério Público Estadual (MPE) mantém, desde 9 de janeiro deste ano, uma investigação a respeito da suspeita de danos ambientais cometidos pela empresa Ginco.Trata-se de uma construtora especializada na construção de imóveis de alto padrão em Cuiabá.

Há suspeitas de que um servidor público municipal tenha favorecido ilegalmente a construtora para facilitar a construção de uma avenida duplicada, dentro da área do Jardim Botânico. A via dá acesso ao Condomínio Villa Jardim, localizado no Trevo do Santa Rosa, bairro de Cuiabá.

As investigações são conduzidas pelo promotor de Justiça, André Luiz de Almeida, que compõe o Núcleo de Defesa do Patrimônio Público.

Direto da Redação, Rafael Costa

2 recomendado
comments icon 0 comentários
bookmark icon

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *